Secretaria de Estado da Administração

Edit

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio, neque qui velit. Magni dolorum quidem ipsam eligendi, totam, facilis laudantium cum accusamus ullam voluptatibus commodi numquam, error, est. Ea, consequatur.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio, neque qui velit. Magni dolorum quidem ipsam eligendi, totam, facilis laudantium cum accusamus ullam voluptatibus commodi numquam, error, est. Ea, consequatur.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio, neque qui velit. Magni dolorum quidem ipsam eligendi, totam, facilis laudantium cum accusamus ullam voluptatibus commodi numquam, error, est. Ea, consequatur.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio, neque qui velit. Magni dolorum quidem ipsam eligendi, totam, facilis laudantium cum accusamus ullam voluptatibus commodi numquam, error, est. Ea, consequatur.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Optio, neque qui velit. Magni dolorum quidem ipsam eligendi, totam, facilis laudantium cum accusamus ullam voluptatibus commodi numquam, error, est. Ea, consequatur.

MENU

SERVIÇOS

ESTRUTURA

site@sea.sc.gov.br

48

3665-1400

Gerente de Bens Móveis da SEA completa 52 anos de serviços prestados ao Governo de SC

O gerente de Bens Móveis da SEA, Mario Menezes, completou nesta semana 52 anos no quadro de servidores do governo do Estado de Santa Catarina. Em 5 de maio de 1970, aos 18 anos, ingressou na Diretoria de Obras Públicas da então Secretaria de Transportes e Obras do Estado, na gestão do ex-governador Ivo Silveira.

Foi em 4 de maio de 1992 que chegou à Secretaria de Estado da Administração, onde se mantém até hoje, excetuando breve período no Deinfra de 2003 a 2004. Desde fevereiro de 2017, está na Gerência de Bens Móveis da Diretoria de Gestão Patrimonial da SEA.

Manezinho da Carvoeira, Mario Menezes tem 70 anos e é técnico em contabilidade. Casado desde 1973, tem três filhos e cinco netos. Mesmo assim, não quer se acomodar. “Quando a gente trabalha em um serviço que não é rotina, acaba se envolvendo mais. E os desafios me motivam. Por isso, acredito que ainda tenho muito a contribuir”, destaca.

Em sua função, Menezes viaja por todo o Estado para verificar os bens móveis que são baixados pelos órgãos de governo. Sejam os veículos que deixam de ser utilizados pelas forças de Segurança Pública e demais secretarias, sejam maquinário e equipamentos, tudo precisa ser devidamente inspecionado e avaliado.

São mais de cinco décadas acompanhando a evolução do serviço público e do mundo. “A contabilidade era feita em quatro vias, com papel carbonado. Tinha que dominar a calculadora Facit, que era mecânica. Naquela época, quem imaginaria que, por algum motivo, ficaríamos dois anos trabalhando em casa, remotamente? Ou que pudesse ocorrer um leilão online, com alguém dando um lance em Rondônia para um bem aqui de Santa Catarina?”, lembra, sempre atento às mudanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.